Como escolher o melhor monitor de sono para você

13 de setembro, 2021

Como escolher o melhor monitor de sono para você

Você não consegue melhorar nada sem medir. Começando pelo seu sono. E para medir a sua hora de dormir, você precisa saber qual é o melhor monitor de sono para você.

Com a chegada dos monitores do sono caseiros já há algum tempo, a polissonografia e a actigrafia, deixaram de ser as únicas opções para que as pessoas obtenham essas informações. 

Apesar de não serem exames médicos como os anteriores, os chamados sleep trackers têm sim feito a diferença na vida de muita gente. Isso inclui profissionais da saúde que passaram a ter a oportunidade de fazer um acompanhamento contínuo do sono de seus pacientes.

Nas redes sociais do Persono, sempre nos pedem indicações de como escolher o melhor monitor de sono. Então, aqui nesse post vamos dar algumas dicas de critérios que você deve levar em conta na hora de comprar o seu sleep tracker

Como saber qual é o melhor monitor de sono para comprar

Abaixo você confere os nossos critérios e dicas para saber se você realmente está adquirindo o melhor monitor de sono para o seu caso.

1. Respaldo científico

A primeira dúvida que surge em uma pessoa que decide adquirir um monitor de sono é se ele realmente é confiável. A resposta é: depende.

Busque informações sobre o método de cálculo de resultados e se o produto foi testado e aprovado por alguma entidade científica confiável. Assim você garante que os dados serão reais e úteis.

2. Conforto

Uma das grandes reclamações de quem faz um exame de polissonografia é o quão desconfortável é. Além de ter que dormir fora de casa, o que por si só já é complicado para muita gente, você também fica preso a dezenas de fios de monitoramento. 

Hoje em dia também é possível fazer a polissonografia em casa, mas sem os fios não tem como.

O monitor de sono para casa, para valer a pena, precisa ser confortável e te deixar dormir como se ele nem estivesse ali.  O conceito de conforto, porém, é diferente para cada pessoa, então vale entender o que funciona ou não para você. 

Atualmente estão ficando mais populares os modelos frictionless, ou seja, que nem sequer têm contato direto com o seu corpo e, por isso, não interrompem o sono de nenhuma maneira.

Importante: ao analisar o conforto de um monitor de sono, é importante conferir também se ele emite luz, o que pode causar disrupções durante a noite.

3. Confiabilidade

Alguns sleep trackers foram desenvolvidos usando algoritmos inteligentíssimos e tecnologia de ponta, tanto que são capazes de apresentar resultados com a mesma acurácia que um actígrafo. São esses que você deve procurar na hora de escolher o melhor monitor de sono.   

É importante ter cuidado com promessas grandiosas demais. Alguns monitores do sono dizem, por exemplo, ser capazes de detectar as fases do sono. Esses resultados, porém, são considerados “inconsistentes” pelas pesquisas mais recentes. 

4. Preço

Felizmente foi-se o tempo em que ter o melhor monitor de sono era um luxo para poucos. Atualmente a tecnologia está disponível em diferentes faixas de preço para se adequarem a um público que vai além dos early adopters.

Uma pesquisa rápida em um site de compras mostra que existem modelos que vão desde pouco mais de R$100 até R$3000, cheio de funções extra.

Se um modelo mais simples for confiável e cientificamente respaldado, por que não?

5. Compatibilidade com o sistema operacional do seu celular

A grande maioria dos monitores do sono fazem a transferência das informações sobre a sua noite por meio de bluetooth e um aplicativo no celular. Antes de fechar a compra, garanta que o seu modelo e versão de sistema operacional são compatíveis com o seu tracker.

Isso é especialmente importante no caso de modelos mais antigos, que depois de alguns anos perdem o suporte a novas tecnologias e gadgets. Na dúvida, consulte um vendedor ou a própria fabricante. 

6. Aplicativo

E por falar no aplicativo… Ele precisa ser intuitivo e fácil de usar, porque ao contrário, ele vai te dar mais dor de cabeça do que as respostas que você procura.

Como muitos desses apps não são acessíveis sem o seu respectivo monitor do sono, a sugestão é que você busque na internet reviews de usuários e o material oficial do produto, mostrando a interface e a usabilidade reais. 

Somente assim você poderá saber se ele é fácil de usar ou não.

7. Suas necessidades individuais

Com a ampla variedade de modelos, não existe “O” melhor monitor de sono, mas sim o melhor monitor de sono para você, as suas necessidades e os seus desejos.

Alguns têm junto um monitor de atividades esportivas, outros funcionam como smart watches, que permitem por exemplo que você receba mensagens do WhatsApp e faça ligações. 

Outros são capazes de medir o nível de oxigênio no sangue (função de oxímetro) ou calcular uma pontuação de estresse.

Mas você precisa ou quer isso? Talvez não e, assim, um modelo mais simples baste.

8. Durabilidade da bateria

Você já está investindo uma quantidade importante de dinheiro em um monitor de sono, então você não quer ter que carregá-lo com a mesma frequência que carrega o seu celular e nem muito menos correr o risco de ficar sem carga no meio da noite, justo quando ele deveria estar funcionando.

O quanto dura a bateria de um sleep tracker é sim um critério importante na hora de escolher. Lembrando que quanto mais funções o seu dispositivo acumular, menos a sua carga vai durar. 

Se você está procurando o melhor monitor de sono pra você, com alta durabilidade da bateria e respaldo científico, fique de olho no blog e nas redes sociais do Persono que muito em breve teremos novidades…

Compartilhar artigo

Leia também

Arrow
Arrow
Faça parte da comunidade Persono
Enviaremos somente conteúdos relevantes para contribuir com a qualidade do seu sono e não encher a sua caixa de email